vesti-me de preto e branco, como a lua e escrevi. escrevi, ou melhor , reli o passado que antes tivera escrito, risquei nomes, adjectivos, metáforas, eufemismos e argumentos que hoje já nao são válidos. arranquei páginas que por algum motivo deixei em branco e lancei-as ao vento. fiz isto pelo mesmo motivo inconsciente com que o sol se põe todos os dias. hoje não preciso de adjectivos , nem de metáforas que qualifiquem tudo e mais alguma coisa. não preciso e ponto final, até posso mudar mesmo agora de assunto e voltar a escrever-te como faço todas as noites, ou simplesmente posso voltar a sentar-me , falar com a lua, abrir o livro e voltar a tirar-te dele para te voltar a encostar a mim. sabes, aprendi que há vícios e vícios, e que os vícios são sempre substituíveis por outros, mais fortes, mais alucinantes e apaixonantes. não sabia que se podia substituir umas drogas por outras sem que isso nos causasse danos psicológicos. custou-me aprender a viver sem 'aquela droga', mas aprendi. viciei-me noutra coisa mais alucinante, e hoje as feridas que outrora sangravam mal se vêem. incrível, como o nosso corpo tem uma capacidade de se auto-curar sem que nós próprios consigamos dar conta. mas pronto, curei-me a mim mesma sem dar por isso , compreendi-me sem sequer sonhar que algum dia me poderia vir a entender. e hoje, tenho-te a ti, para me completares e compreenderes.
e aprendi a sorrir, sem que para isso tenha tido tempo de me desfazer em lágrimas.



26 comentários:

carina, disse...

ooh está tão bonito

Bianca disse...

por mais feridas que o passado nos deixe, tudo acaba por passar com o tempo, até que um dia damos por nós muito mais felizes e livres daquelas mágoas do passado.
gostei muito!
beijinho :*

Anniee. disse...

amei, mesmoo !

cereais disse...

é dos textos mais bonitos que li aqui :) *

joanarocha disse...

que bonito *.*

R. disse...

ESTÁ LINDO, LINDO, LINDO*

Martinha disse...

E assim viraste uma página da tua vida. Espero que esta seja bem melhor. :)

Anne disse...

És lindo o texto,sem divida o meu preferido entre os teus posts,amei.

Pensando com a Arte disse...

gostei muito ;$

Bianca disse...

ora essa :) e obrigada!

Maria Inês disse...

adorei mesmo :')

carina, disse...

claro querida, ora essa (:

Anniee. disse...

obrigada eu :)

Cf disse...

gostei bastante :o

tânialopes! disse...

lindo, lindo & lindo *.*

R. disse...

Obrigada eu*

Martinha disse...

absolutamente lindíssimo*

Bianca disse...

óh, que querida! também és uma fofinha *-*

catr disse...

está tão perfeito, adorei

joanarocha disse...

obrigada eu (:

joanarocha disse...

Como se chama a música querida? (:

Pensando com a Arte disse...

so fui sincera *.*
Obrigada, se quiseres , segue-me ! *.*

Cf disse...

pois é, boa sorte para ti então :)

joanarocha disse...

muito obrigada *.*

Martinha disse...

Oh, de nada. Muito obrigada eu, é bom saber que as pessoas gostam do meu espaço...ah, e já sabes a minha opinião, sou completamente apaixonada pelo teu blog e pela tua belíssima escrita. Estás de Parabéns, sempre**

Mariana disse...

este texto está perfeitissimo, muito bem escrito! 5* :)